terça-feira, novembro 28, 2006

Teimosia polaca vem de longe

Ao longo da minha vivência na Polónia, há algo que sinto ser um traço característico na personalidade destas gentes. A teimosia. Não me apetece concretizar o porquê desta minha ideia, mas pensando bem isso nem é muito surpreendente tendo em conta os seus antepassados.
Por exemplo, só um gajo bem teimoso é que se lembrava de no início do século XVI mandar o bitaite em forma de modelo de que é a Terra que afinal gira em torno do Sol. Pois é, o Mikolaj Kopernik (Copérnico) era polaco. Nos tempos livres lá conseguiu pôr em causa o modelo geocêntrico que a Igreja Católica tanto defendia. E sortudo como foi, na sua altura a Igreja Católica nem lhe chateou muito o juízo sobre estas ideias. Quem se lixou à grande umas dezenas de anos depois em torno destes assuntos foi o Galileu.

1 comentários:

Antonio Rebordao disse...

Aconselho-te visitares Torun pois é uma cidade lindissima. abraços