quarta-feira, maio 20, 2009

Desempregados, para a Polónia rapidamente e em força

Mesmo que por hipótese académica fosse minha vontade esquecer a Polónia, é difícil. Estava muito bem a almoçar e vejo esta reportagem no jornal da SIC (http://sic.aeiou.pt/online/video/informacao/Portugal-2009/2009/5/desemprego-leva-a-apostar-no-estrangeiro.htm). E um dos países onde falaram com um português foi a Polónia.
Foi uma visão optimista aquela que este professor da língua do poeta zarolho e do dramaturgo dos folhos transmitiu sobre procurar emprego. Citando: "..um português médio com um curso superior....será facilmente absorvido pelo mercado de trabalho aqui na Polónia desde que domine o inglês...". Faltou-lhe somente falar dos fringe benefits de trabalhar na Polónia :).

4 comentários:

PM Misha disse...

se ele soubésse o que isso é talvez tivésse podido falar disso.

Ricardo Taipa disse...

[se ele soubésse o que isso é talvez tivésse podido falar disso.]

ehehehehehe

Geraldo Geraldes disse...

Um fringe benefit em bom português significa um extra ao salário dado pelo empregador (ex. ginásio ou seguro saúde)
No contexto em que eu escrevi, será os benefícios que um trabalhador na Polónia tem (além do salário), como por exemplo maior qualidade de vida, mais segurança, etc..face a trabalhar em Portugal.

PM Misha disse...

um trabalhador na Polónia tem de facto "benefícios" que não encontra em Portugal, resta saber como contextualizar o que se beneficia.

agora sim, penso que ele sabe o que é mas creio que nunca de tal beneficiou.