sexta-feira, maio 28, 2010

Mitos IX - Carne na Polónia é barata

Que a carne na Polónia não é grande espingarda já aqui expliquei (http://divinapolonia.blogspot.com/2007/03/cuidadinho-com-paparoca.html). Que para os polacos o conceito de churrasco passa predominantemente por salsichas (aka, restos comprimidos numa forma cilíndrica) também já se sabe. Faltava dizer que a carne é cara. Especialmente se se tratar de carneiro. À excepção de Zakopane, em mais nenhum restaurante noutra cidade que visitei encontrava carneiro.
Nos supermercados também não encontrava carneiro. Foi portanto com grande alegria que já em Varsóvia consegui comprar num supermercado umas costeletas de carneiro. O preço é que traduz a explicação: 50 Pln/kg, o que na altura dava uns 13Eur. Como é que um país com tanto espaço, com tanta agricultura e pecuária não consegue ter carne de carneiro mais barata foi um dos quebra-cabeças que me atormentava diariamente. Logo, carne na Polónia é barata o tanas. Barato são os restos, as partes piores.
Ps: Escusado será dizer que com estas três costeletazitas para uma pessoa, um tipo fica à míngua. E não vi embalagens maiores.

1 comentários:

Ricardo Taipa disse...

A carne de carneiro e borrego não é muito popular na Polónia mas parece-me que há mais carne para além da kiełbasa. Um churrasco como deve ser leva umas bifanas e o belo do szaszłyk.

E sim, aqui gasta-se um dinheiro estúpido em comida, não há cá milagres e só nos mercados e feiras - ainda - se arranjam frutas e legumes frescos e a batata a bom preço.